Sobre o visto de trabalho para os EUA

By: Author Raul MarinhoPosted on
236Views4

Depois que publiquei este post citando a “falta de pilotos” nos EUA, tenho recebido diversas mensagens com perguntas sobre como fazer para voar profissionalmente naquele país. Na verdade, a questão principal nem é aeronáutica – a obtenção das carteiras de Commercial Pilot ou Airline Transport Pilot (equivalentes aos nossos PC e PLA) já foi abordada aqui -, e sim legal, de imigração, que transcende um pouco os limites deste blog. Mas, para pelo menos ser possível ter uma noção sobre essa questão, acho que seria interessante ler este artigo da administradores.com: “Como trabalhar legalmente nos Estados Unidos“, que já dá uma boa ideia de como a coisa toda funciona.

4 comments

  1. Enderson Rafael
    11 meses ago

    Achei curioso o primeiro tipo, a que vc pede ao conhecido pra empregado dele te dar um visto… acho que o repórter entendeu errado, hein…

    • Acho que ela se referiu a “sponsored visas” (caso do visto H1B), cuja iniciativa é exclusiva do empregador. Muita gente já voou executivo e até agrícola durante alguns anos lá, usando esse tipo de visto, mas o empregador precisa justificar o convite (a estrangeiro não-residente, até então), quando dá entrada no pedido junto ao US C.I.S….alguns empresários latinoamericanos que recentemente transferiram residência para os EUA fizeram assim, no sentido de poderem levar as aeronaves, os pilotos e suas famílias.

  2. Thalles
    11 meses ago

    O apagão de pilotos agora com ICAO level 4. Não se iludam. É quase sempre impossível, seja ele por motivos de formação, situações monetárias e SIM existe racismo (descriminação).

    • Ricardo
      11 meses ago

      racismo? vc ja’ esteve nos EUA?

Deixe uma resposta