Tutorial para habilitação, endosso e cheque para o ‘King Air’ 90/200

By: Author Raul MarinhoPosted on
530Views35

Devido à enorme quantidade de dúvidas acerca das questões de habilitação, endosso e cheques para operar o Beech King Air das Séries 90 e 200 (sempre com PMD<12.500lbs e certificado como ‘single pilot’), preparei um pequeno tutorial sobre o assunto no caso de uma operação “91 pura”/particular/executiva (aeronave registrada como TPP).

(Obs.: Neste caso, é importante ressaltar que não existe a posição de SIC/1°Oficial, somente a do PIC/Comandante. Vamos tratar do assunto do registro de horas para quem voa na direita numa situação destas em outro post, mas o fato é que só é exigida habilitação do PIC -portanto, o que segue abaixo é sempre em relação ao comandante da aeronave.)

Situação 1: Piloto já era previamente habilitado ao BE90 ou BE20 antes da entrada em vigor da EMD006

Se o piloto estiver com sua habilitação de TIPO do BE90 e/ou BE20 válida(s) em 23/04/16, ele tem direito a uma habilitação MLTE, necessária para operar tais modelos de avião no novo regulamento, além dos respectivos endossos (que não necessitarão de ser renovados em tempo algum). E, de acordo com a Portaria N°378 que aprovou a entrada em vigor da EMD006 ao RBAC-61, a validade desta habilitação será estendida por mais um ano a partir da data de validade original de sua(s) habilitação(ões) de TIPO – vale a que for maior.

Exemplos:

– Piloto João – hab.BE20 válida até 06/16 -> hab.MLTE válida até 06/17 e está dispensado do endosso ao King-200.

– Piloto José – hab.BE20 válida até 06/16 e BE90 válida até 08/16 -> hab.MLTE válida até 08/17 e está dispensado dos endossos ao King-90 e 200.

– Piloto Pedro – hab.BE20 vencida -> requer revalidação do MLTE, mas está dispensado do endosso ao King-200/250

– Piloto Antonio – hab.BE20 vencida e BE90 válida até 09/16 ->hab.MLTE válida até 09/17 e está dispensado dos endossos ao King-90 e 200.

Situação 2: Piloto não era previamente habilitado ao BE90 ou BE20 antes da entrada em vigor da EMD006

A) Sem hab.MLTE prévia – e nem hab.TIPO que fora convertida para MLTE (ex.: Piper Cheyenne):

A1) Obtendo hab.MLTE numa aeronave que não o King-90/200 (ex.: num Seneca): ele estará com a habilitação correta (MLTE), mas necessitará obter o endosso para o modelo King-90 e/ou King-200, que precisará ser confirmado com um cheque (até 06/2017) no respectivo avião.

A2) Obtendo hab.MLTE numa aeronave King-90/200: ele estaria com a habilitação correta (MLTE) e o endosso + cheque de endosso para o modelo King-90 e/ou King-200 será obtido diretamente no cheque da hab.MLTE.

B) Piloto já é portador da hab.MLTE válida (“original” ou “convertida” de algum outro TIPO que passou a ser CLASSE), mas com experiência em outras aeronaves que não o King-90/200 (ex.: Baron): basta obter o respectivo endosso + cheque de endosso para o modelo King-90 e/ou King-200, conforme o caso.

C) Portador da hab.MLTE vencida, com experiência em outras aeronaves que não o King-90/200 (ex.: Cessna-310):

C1) Revalidar o MLTE diretamente no King-90 e/ou King-200, conforme o caso, o que dispensará o piloto do(s) respectivo(s) endosso(s) + cheque de endosso.

C2) Revalidar o MLTE em avião diferente do King-90 e/ou King-200, conforme o caso, o que exigirá a obtenção do(s) respectivo(s) endosso(s) + cheque de endosso.

Observação importante #1: uso dos CTACs certificados para o King-90 ou King-200

– Não serão adequados para a obtenção da hab.MLTE, que requer 12h de voo;

– Pode ser usado como meio alternativo para obter os endossos do King-90 e/ou King-200, conforme o caso.

Observação importante #2: cheque de endosso para mais de um modelo

– O “cheque de endosso” (obrigatório até 06/2017 para os endossos de modelos do “Apêndice A”) requerido para toda a família King Air é um só, já que todos eles compartilham o designativo da coluna 3 da tabela da IS 61-006A/Apêndice A.

– Ou seja, se o piloto pretender voar o King-90 e o King-200, ele precisará de endosso dos dois, mas o “cheque de endosso” será somente em um deles.

35 comments

  1. Ademar Reis
    50 minutos ago

    Raul, já sabe informar como será o cheque do endosso? Tem que ser um INSPAC? – Referente a esta pergunta onde o Sr respondeu SIM, acabei ficando com dúvida. A nossa Unidade (Batalhão de Aviação) possui examinador credenciado no KING, BE20, a pergunta é, pode o examinador também proceder o cheque, ou vai ter que ser com INSPAC.

    • Raul Marinho
      4 minutos ago

      Pode ser ambos – vide seção 61.199(b)(2): “Adicionalmente, até 30/6/2017, para realizar transição entre modelos de aeronave que pertenciam a designativos de tipo diferentes em 24/3/2016, o piloto deverá ser aprovado em exame de proficiência aplicado por INSPAC ou Examinador Credenciado em um dos modelos pertencentes àquele designativo de tipo”.

  2. William
    9 meses ago

    A parti de que dia o PLA não pode mais assinar a CIV de um outro piloto?

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Depende assinar o que. Instrução em duplo-comando no âmbito da aviação 91 já não podia desde 2012.Já determinados endossos, pode.

      • William
        9 meses ago

        Então se eu voar uma aeronave mono no caso do Pilatus o PLA não pode assinar como duplo comando?
        Quem tem mono válido vai precisar de endosso pra poder voar as aeronaves mono no caso do TBM900 e Pilatus?

        • Raul Marinho
          9 meses ago

          Somente um INVA pode voar em duplo-comando com um aluno na operação 91.
          Nem o TBM900 nem o Pilatus constam do Anexo A da IS 00-006A; portanto, não requerem endosso.

          • William
            9 meses ago

            Muito obrigado Raul!

  3. DOP
    9 meses ago

    Raul boa tarde,
    Estou preparando o processo para solicitar o cheque do endosso, porém surgiu uma dúvida.
    O futuro endossado está pronto, mas não lançamos horas na CIV dele e não fizemos o endosso na CIV nem no SACI ainda. Há necessidade de lançar horas em instrução para o mesmo? Se positivo antes do endosso certo? Sem uma qtde especifica de hras.
    Agradeço mais uma vez
    DOP

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Em princípio, não há necessidade de lançar horas de instrução.

  4. Igor
    9 meses ago

    Raul, uma ajuda caso seja possível.

    Na leitura da IS-61-006A, Apêndice B, itens B5.3.2, B5.3.3 e B5.3.5 diz que não há necessidade de solicitação de revalidação de habilitação para que o cheque do endosso aconteça. Há apenas a necessidade de que o “INSPAC insira a aprovação na FAP eletrônica do SACI”.

    Lido isto, como seria a maneira correta de proceder? Solicitar inspac sem processo, ou abrir processo… Estou meio perdido.
    Obrigado.

  5. DOP
    9 meses ago

    Raul boa noite,
    Posso ser endossado agora, voar o King, lançar as horas na minha CIV e solicitar o cheque desse endosso posterior, porém antes de 06/2017?
    Agradeço desde ja

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Negativo. Para atuar agora como PIC do King, vc tem que estar 100% regular – isto é, com o endosso e o cheque do endosso.

  6. Marcos
    9 meses ago

    Boa noite Raul!
    A minha hab MLTE esta vencida e conforme abaixo, seu eu rechecar o MLTE em um King90 não precisarei dos endossos?

    C) Portador da hab.MLTE vencida, com experiência em outras aeronaves que não o King-90/200 (ex.: Cessna-310):
    C1) Revalidar o MLTE diretamente no King-90 e/ou King-200, conforme o caso, o que dispensará o piloto do(s) respectivo(s) endosso(s) + cheque de endosso.

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Sim.

      • Ulysses Alves
        4 meses ago

        Boa noite, caro Raul estou com o meu MLTE vencido. eu posso receber o endosso de um PC e fazer o check endosso + check MLTE no King ? ou o piloto que me passar o endosso deve ser inva também?

        • Raul Marinho
          4 meses ago

          O endossante não precisa ser INVA, só regularmente habilitado no modelo.

  7. Marcelo Ferreira
    9 meses ago

    Boa tarde, tenho uma outra duvida:
    Tenho C90 vencida e não tenho MLTE. Nesse caso como devo pedir meu recheque para C90?

  8. VITOR SANTOS JR
    9 meses ago

    Dei uma lida rápida, mas me tire logo a duvida: /tenho TIPO na carteira (E110, PA 31 e PA42) pretendo voar o C90, irei precisar somente do endosso e check?

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Sim. Vc vai “ganhar” o MLTE, só vai ficar faltando o endosso e o respectivo cheque de endosso (até 06/2017).

  9. Cmte Hamilton
    9 meses ago

    ”A1) Obtendo hab.MLTE numa aeronave que não o King-90/200 (ex.: num Seneca): ele estará com a habilitação correta (MLTE), mas necessitará obter o endosso para o modelo King-90 e/ou King-200, que precisará ser confirmado com um cheque (até 06/2017) no respectivo avião.”
    Quantas horas são necessárias de endosso para solicitar o cheque? Se compreendi bem , um piloto com PC ou PLA poderá realizar ?Obrigado

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Não existe quantidade de horas. Vai depender da avaliação do endossante.

  10. Marcio Wilson Gomes
    9 meses ago

    Raul boa noite, sempre acompanho o site e agora aconteceu algo estranho, pois bem, minha habilitação BE90 tem como validade 12/16 e a de MLTE 02/17, mas hoje depois da entrada em vigor das novas regras fui verificar meu extrato e constava o seguinte:
    BE90 12/16 MLTE 02/11 ( vencido à 5 anos)
    O que pode ser ? Problema no sistema?
    Abraços

    • Marcelo
      9 meses ago

      Não foi só o seu não vários aconteceram ontem meu mult era 09/17 meu 90 08/16 e meu 200 10/16 passaram meu mult para 10/17 hj colocaram meu mult junto com meu mono vencido em 10/13 fui fazer um plano para decolar com o 200 não aceitaram falando q minha habilitacao estava vencida

      • Marcio Wilson Gomes
        9 meses ago

        Conseguiu resolver?

      • Raul Marinho
        9 meses ago

        Vou publicar uma nota da TI/ANAC sobre isso.

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Vou publicar uma nota da TI/ANAC sobre isso.

  11. Ronaldo
    9 meses ago

    O “cheque de endosso” é obrigatório até 06/2017 para os endossos, depois não mais, isto é, agora está mais difícil, depois fica mais fácil. Desculpe, qual é a logica?

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      A lógica é dar credibilidade e segurança ao novo procedimento.

  12. Luccas Alves
    9 meses ago

    E no caso de o tripulante ter, antes da mudança, a carteira de outro TIPO semelhante, ex o piper cheyenne, e pretender voar um King c90 ou b200? Ele precisará de um cheque de endosso no equipamento?

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Exatamente: endosso + cheque de endossso (até 06/2107).

  13. Daniel
    9 meses ago

    Raul, já sabe informar como será o cheque do endosso? Tem que ser um INSPAC?

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Sim.

Deixe uma resposta