Orientações sobre o cheque de endosso (operação de aeronaves específicas – Anexo “A” da IS 61-006A)

By: Author Raul MarinhoPosted on
325Views24

Em relação ao cheque de endosso (operação de aeronaves específicas – Anexo “A” da IS 61-006A), requerido somente para casos em que a aeronave requeria habilitação de TIPO anteriormente, especificamente sobre dúvidas como a do leitor Igor neste post – “Tutorial para habilitação, endosso e cheque para o ‘King Air’ 90/200” -, segue abaixo orientação da SPO/ANAC:

Nos casos em que o interessado deseja somente realizar o cheque de endosso, basta solicitar o INSPAC pelo site da ANAC ou, nos casos de aeronaves de escolas e aeroclubes como os Robinson e Schweizer, realizar o exame com um credenciado dessas instituições.

O INSPAC/Credenciado inserirá a FAP eletrônica no SACI, dará a FAP física para o checado e é só, o processo está concluído e ele já pode voar.

Caso além do endosso o piloto queira usar este mesmo cheque para concessão ou revalidação da habilitação de classe, deverá após o cheque dar entrada no processo de concessão ou revalidação no SACI, nos moldes “tradicionais”, como já se fazia anteriormente para qualquer habilitação.

24 comments

  1. Lucas
    7 meses ago

    Boa noite Raul

    Pretendo realizar o endosso para o King C90, tenho hab. MLTE valida. O procedimento é apenas realizar o endosso? É necessário fazer algum treinamento na aeronave? Após o endosso já posso voar, ou vou precisar também realizar um voo de check com INSPAC para estar apto?

    Obrigado.

    • Raul Marinho
      7 meses ago

      O treinamento é o definido no Apêndice B da IS 61-006B para instrução de solo e de voo “a critério” (item B5.4.1).
      O endosso necessitará de um respectivo cheque com INSPAC até 30/06/2017.

  2. King Air C90
    8 meses ago

    Raul, Um PP – MLTE – IFR pode voar um C90 antes de ter feito o cheque do endosso pela Inspac da ANAC?

    • Raul Marinho
      8 meses ago

      Negativo.

  3. Marco
    8 meses ago

    Boa tarde Raul, estou com duvida com relação ao endosso, neste mes irei revalidar meu MLTE em um baron de um aeroclube, preciso levar o endosso do king no dia do cheque para que seja enviado para a anac, ou o endosso nao precisa ser enviado. Muito obrigado!

    • Raul Marinho
      8 meses ago

      Se vc já voava o King antes da mudança, está dispensado do endosso. Mas se pretende se habilitar ao King, vc precisará do endosso e de um cheque do endosso com um INSPAC.

  4. Gabriel
    9 meses ago

    Boa noite Raul,
    Para quem tem mlte válido e vai checar endosso de be90, por exemplo, não é necessário nem pagar a gru e nem abrir processo para upload?
    Se for isso, realmente fui surpreendido !

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Se for somente o cheque do endosso, não. Se, junto com o cheque do endosso, o piloto estiver revalidando uma habilitação, sim.

      • Gabriel
        8 meses ago

        Que boa noticia!!!

  5. Fabricio
    9 meses ago

    Raul, boa tarde!

    Com tanta mudança no 61 e agora várias interpretações geradas por parte de Aeroclubes, estou com uma dúvida com relação a revalidação da minha habilitação IFR vencida, que até foge um pouco deste tema, mas é o que achei mais próximo e vc sempre responde.

    A minha habilitação IFR teve vencimento em JAN/2016 e foi válida até 30 dias após. Correto?

    A aeronave que eu voei e tenho experiencia recente IFR dentro de 6 meses para trás é um PA46 Piper Meridian (monomotor).

    Na semana passada fizemos um voo duplo comando sob regra IFR sob o comando de outro comandante que é INVA e fizemos uma instrução revisória nesse voo.

    A pergunta é se eu posso fazer o recheque direto Cessna 172 (monomotor) do Aeroclube, com examinador credenciado, sem necessidade de fazer outra instrução revisória nesse avião, sendo que ambas as aeronaves são classe monomotora.

    Como tenho informações divergentes, gostaria da sua orientação.

    Obrigado.

    • Fabricio
      9 meses ago

      A GPEL da anac já respondeu meu e-mail antes deste blog. Uau… A anac está melhor que aqui. Valeu.

      • Raul Marinho
        9 meses ago

        Vixe, que vexame, hein!?
        Perdendo para a ANAC, vou empatar com quem, agora!? ;-P

        Falando sério, agora: me desculpe! A semana passada foi complicada para manter o blog em dia, estive fazendo o curso de Upset Recovery, e minha vida ficou literalmente de cabeça para baixo. Mas já que a ANAC lhe respondeu, faça uma gentileza para os demais leitores e poste aqui a resposta que vc recebeu. Pode ser que esta seja a dúvida de mais alguém.

        Abraços,

        Raul

        • Fabricio
          9 meses ago

          Opa.. Claro.

          Prezado Senhor,

          Em resposta ao e-mail abaixo, informamos a Vossa Senhoria que seu recheque de IFRA poderá ser realizado em aeronave C172.

          Pela nova edição do RBAC 61 (Emenda 06, disponível em http://www.anac.gov.br/assuntos/legislacao/legislacao-1/rbha-e-rbac/rbac/rbac-061-emd-06),não há mais a obrigatoriedade de ser realizada a instrução revisória para a revalidação de habilitação IFR.

          Sempre que fizer contato, favor fornecer seu CANAC, se possuidor, e/ou número do processo para facilitar a pesquisa.
          Exclusivamente para recursos a processos indeferidos, utilize o email recursos.pel@anac.gov.br.
          No portal da ANAC, em Pessoal da aviação civil >> Orientações e Modelos da Habilitação, verifique as diversas orientações e modelos relativos às dificuldades comuns à Habilitação.

          Atenciosamente
          Gerência de Certificação de Pessoal (MP) – ANAC

          • Raul Marinho
            9 meses ago

            Tks!

  6. Need a job
    9 meses ago

    Que legal, quem ja tem as extintas carteiras TIPO vencidas, nao precisam dos endossos.

  7. Renato Sá
    9 meses ago

    Bom dia Raul, quantas horas práticas preciso pra checar nesses kings por exemplo? Tem algum mínimo? E precisa do grpund? Grato.

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Não existe uma quantidade de horas mínimas nem um programa específico de ground. Como diz a IS, é “a critério”.

      • 1º Ten PM VITOR - PMESP
        9 meses ago

        Caro Raul, não existe uma quantidade mínima de horas desde que o candidato já possua a habilitação de classe MLTE.

        Se for a primeira habilitação de classe MLTE é necessário 12 horas de voo, com ao menos 2 em avião do mesmo fabricante e modelo do avião a ser usado no cheque. (RBAC 61, 61.195 (c)).

        • Raul Marinho
          9 meses ago

          Não entendi o seu comentário. O que vc quer saber, exatamente?

          • 1o. Ten PM VITOR - PMESP
            9 meses ago

            Na verdade afirmei que não há mínimo de treinamento se o piloto já possuir a classe MLTE e for voar outro modelo dessa classe.

            Agora se for inicial da classe tem na norma seus mínimos…

  8. Marceli
    9 meses ago

    Aproveitando a pergunta do Freddy: BE90 BE20 e MLTE vencidos, o que preciso para voar legalmente hoje?
    Grato.

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Revalidar o MLTE. Os endossos para voar os King 90 e 200 vc já os têm.

  9. Freddy
    9 meses ago

    Bom dia Raul.
    Eu tenho o tipo BE90 e BE200 vencidos.
    O que preciso para voar legalmente hoje?
    Grato

    • Raul Marinho
      9 meses ago

      Basta revalidar o MLTE.

Deixe uma resposta